Atlântico celebra o Verão

O Festival que acontece no Funchal vai já na sua 17.ª edição.

O evento que começou a 1 de junho e termina no último dia do mês tem um cartaz turístico que conta com um investimento total de 490 mil euros. Tendo havido um reforço de 100 mil euros, comparativamente à edição anterior.

Paula Cabaço, secretária regional do Turismo e Cultura, explica que o evento combina dois grandes programas: o concurso internacional de fogo-de-artifício e o Festival Raízes do Atlântico.

O espetáculo pirotécnico sincronizado com temas musicais que decorre na baía do Funchal ao longo dos quatros sábados, pelas 22:30 horas, promete agradar durante cerca de 20 minutos visitantes e residentes. Este ano vêm à Madeira países como a Áustria, África do Sul e México. Enquanto o encerramento extraconcurso fica a cargo de Portugal. São os espetadores que assumem um papel importante na votação da empresa organizadora que mais apreciam.

De 14 a 16 de junho, a Praça do Povo é palco da 19.ª edição do Festival Raízes do Atlântico. O evento organizado pela Direção Regional de Cultura recebe seis concertos gratuitos com artistas do Brasil, Cabo Verde e Cuba. Os espetáculos começam às 21:00 horas.

Ao longo deste mês diversos espetáculos podem ser desfrutados sendo a grande novidade deste ano o espetáculo com ecrã de água, uma combinação de luz e som que exibe conteúdos alusivos à temática dos 600 anos do Descobrimento das ilhas da Madeira e do Porto Santo que acontece a 22 e 29 de junho entre as 22:30 horas e as 23:00 horas, na Praça do Povo.